Continuando os posts anteriores sobre Barcelona, agora vamos até a região de Montjuic, no alto de uma colina, com vistas incríveis da cidade. A melhor opção para conhecer todos os atrativos do lugar é pegar o metrô até a estação Espanya. Saindo do metrô, estamos em frente a uma antiga praça de touros – a Arena, e de uma larga avenida que leva ao Palácio Nacional. O Palácio foi construído em 1926 e desde 1934 abriga o Museu Nacional de Arte Catalã.

Palácio Nacional de Barcelona

Margeando o palácio pela direita, seguimos subindo a colina até a entrada da próxima atração, o El Poble Espanyol. Construído em 1929, para a Exposição Internacional de Barcelona, foi construído com a intenção de criar a atmosfera das diversas regiões da Espanha, como a Andaluzia, Navarra, Galícia, etc.

El Poble Espanyol

É quase um museu a céu aberto, com restaurantes, lojas e artesanato, além de lindas vistas da cidade.

El Poble Espanyol

Ainda seguindo em direção ao alto da colina, chegamos ao Parque Olímpico das Olimpíadas de 1992. Além do Estádio Olímpico Lluís Companys, onde se deu a abertura, encerramento e algumas modalidades de esportes, como o atletismo, existem monumentos simbolizando a integração entre os povos, cascatas, a Torre Calatrava, que hoje serve como uma grande antena de comunicações e o Palácio Sant Jordi, onde eram realizados esportes fechados, como vôlei e basquete.

Complexo Olímpico e Torre Calatrava

Logo a frente do Estádio, seguindo em direção ao teleférico de Montjuic, existe um museu dedicado ao esporte, e a Fundação Joan Mirò, com dezenas de trabalhos de Joan Mirò, o grande pintor e escultor surrealista catalão.

Estádio Olímpico 1992

O Teleférico de Montjuic leva ao Castelo de Montjuic, e também faz ligação com o sistema de metrô da cidade, através de um funicular. O passeio de teleférico é incrível, e do alto podemos ver de um lado a cidade e seus pontos turísticos, como o prédio de Agbar e a Sagrada Família.

Teleférico de Montjuic - Sagrada Família no fundo à esquerda

No alto da colina, ao largo e dentro do castelo (uma antiga construção militar datada de 1640), temos vistas ainda do parque olímpico e do porto de Barcelona. Lá em cima existem lanchonetes e uma loja de artesanato.

Castelo de Montjuic

A melhor forma de retornar a cidade é pelo teleférico, e em seguida pegar o funicular que chega a estação de metrô de Parallel, e de lá seguir para seu hotel em busca de um descanso após um longo dia.

No último post sobre Barcelona, visitaremos a casa dos fanáticos pelo futebol, o Estádio Camp Nou, do Barcelona F.C.